Arquivo da categoria: picos de shanghai

xangai em 4 minutos

Padrão

Rápido passeio por Xangai com a jornalista Mariana Becker:

Anúncios

china teen

Padrão

Nosso afilhado de 15 anos veio passar as férias conosco. Ele veio do Brasil com parada em Dubai, viajando sozinho! (Dinda coruja ficou orgulhosa). O Rafa é um rapaz inteligente, com um senso de humor afiado como o pai dele, e que ADORA jogar tênis de mesa.(nota: não posso falar “pingue-pongue” que ele fica bravo) e, para os amantes do tênis de mesa, nada mais bacana do que vir para a China jogar com os chineses.

Antes dele chegar fiz uma rápida pesquisa das atividades mais adequadas para adolescentes em Shanghai,  conversei com as amigas-mães da comunidade brasileira, procurei professores e locais para praticar tênis de mesa e montei nossa programação oriental.

Meu trabalho é um pouco mais flexível que o do Ivan, mas mesmo assim não poderia parar de trabalhar para acompanhá-lo o tempo todo. A solução foi colocá-lo na aula de mandarim para adolescentes, todos os dias, no período da manhã durante 2 semanas. A tarde fiquei livre para ir com ele nas aulas de tênis de mesa (que da até gosto de ver ele jogando de igual para igual com os chineses) e fazer algum passeio ou viagem. Estamos curtindo nossa programação teen.

shanghai de casa

Padrão

Vivemos numa cidade de estações beirando o extremo, invernos frios e úmidos (estamos abaixo do Rio Amarelo – que em chinês fala Huang He – que praticamente divide a China em dois – norte e sul – sendo que por lei as cidades tem sistema de calefação e as do sul não) e verões também úmidos com temperaturas batento nos 40-45 C. Temos apenas 2 meses por ano sem ar condicionado. E justamente agora estamos aproveitando este tempo precioso.

A noite passada estava especialmente bonita e cheguei até ver estrelas, raridade por aqui…tirei fotos de casa mesmo, com barquinhos de neon e a Torre das Pérolas ao fundo. 

Este slideshow necessita de JavaScript.

cerejeiras no gucun park

Padrão

Primavera. Época das cerejeiras em flor neste lado do mundo. Aproveitamos o sol (que mesmo tímido, deu as caras) e fomos conhecer o Parque Gucun Gongyuan (fala “gu tsun gon yuen”). O parque fica um pouco distante do centro de Shanghai e por isso resolvemos ir de metro. (super conveniente e vai para todos os lugares em Shanghai). No total foram 20 estações, cerca de 1 hora até chegar no parque.

O festival das cerejeiras vai até 20 de abril.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Endereço: Gucun Park 顾村公园
1 Huandao Lu, 488 Zhenhu Tai Lu, Gucun Town, Baoshan District, Shanghai
上海宝山区顾村镇沪太路4788号环岛路1号

Metro linha 7 – estação Gucun Park

entrada: cerca de RMB20,00/pessoa

museu da propaganda

Padrão

Tradução: Flying to the stars

O Museu da Propagada em poster de Shanghai (Shanghai Propaganda Poster Art Center) é um ótimo passeio de final de semana. É um museu privado e fica em um apartamento no nível térreo de um condomínio residencial na antiga concessão francesa (já deu para perceber que não é suuuper fácil encontrar, mas não se preocupe, apesar do local inusitado todo mundo encontra).

São cerca de 5000 poster que representam artisticamente os ideais e os valores de um dos períodos mais intensos da história da China moderna. As principais atrações são os posters da época do estabelecimento da Nova China (Early Period 1949-1953), poster referentes a campanha econômica e social do “Grande Salto pra frente” (Great Leap Forward 1958-1960) e os poster do movimento da Guarda Vermelha (Red Guard Movement, 1966-1968). O diferencial deste museu, além claro da exibição destes raros posters,  é que quase todos os posters tem legendas em inglês. Fica a dica.

Endereço:

Shanghai Propaganda Poster Art Center (上海宣传画艺术中心 -shànghǎi xuānchuán yìshù zhōngxīn)
#868, Room BOC, Hua shan Rd RM.  (上海华山路868号BOC室)
mais informações: www.shanghaipropagandaart.com

moganshan – distrito artístico

Padrão
Ivan e o monstro chinês

Ivan e o gigante chinês.

Neste final semana fizemos um passeio artístico a Rua Moganshan.

Já tínhamos visitado o local cerca de 3 anos atrás e achamos que era hora de checar as novidades. A Moganshan Lu (“Lu” é “Rua” em chinês) fica próxima ao Suzhou Creek (Riacho Suzhou, que desemboca no Rio Huangpu), ao norte de Shanghai.A região que desde 1930 abrigava somente antigos depósitos e fábricas, começou a se tornar mais artistica somente em 2000 quando o artista xangainês, Xue Song, reformou um dos espaços e se mudou para lá.  Hoje, galerias, ateliês, estúdios, escritórios de criação e alguns (poucos) cafés e restaurantes fazem da Moganshan Lu um dos principais centros de arte moderna chinesa de Shanghai, podendo ser comparado com o Complexo 798 em Beijing (que aliás é uma visita super recomendada para visitantes em Beijing).

Também demos uma andada pelo Suzhou Creek, algumas construções antigas fazem um interessante contraste com os novos apartamentos de Shanghai.

a arte em muro de Vhils

pausa para o chá da tarde

pausa para o chá da tarde...

Encontramos por acaso um dos entalhes em muros do artista português, Vhils (Alexandre Farto) em um muro de uma casa prestes a ser demolida.

endereço:  Moganshan Lu / Changhua Lu ( 莫干山路 / 昌化路 ).

lu xun park e duo lun rd.

Padrão

  Neste final de semana fizemos dois passeios culturais, ambos no bairro de Houkou, ao norte de Shanghai:

LuXun Park: (鲁迅公园-Lǔ Xùn Gōngyuán)

Parque dedicado  a Lu Xun, um dos maiores escritores chineses, ícone da literatura chinesa moderna. Lemos dois livros dele, 《阿Q正传》 (“A verdadeira história de AQ” – 1921) e  《狂人日记》(”Diário de um louco” – 1918). Luxun queria que seus trabalhos pudessem ser lidos por todos e portanto inovou ao usar uma linguagem mais popular e acessível nos seus textos. Dentro do parque encontramos o Museu do LuXun

(上海鲁迅纪念馆) (entrada gratuíta).

Houkou é considerado um bairro cultural, artístico, bem chinês (há poucos estrangeiros morando por lá em relação a outras partes de Shanghai). No parque encontramos diversos grupinhos com atividades diferentes: coral, artes marciais, pião tuoluo, badmington, os saxofonistas, os flautistas, os karaoques portateis, os pintores etc. O parque estava lotado de casais, familias,

preparação para o album de casamento

menino com calça de oncinha e mochila de balão

velhinhos chineses.

Cada figura!
Duolun Rd (多伦路 – Duō lún lù): Depois de uma pequena caminhada saindo do Parque LuXun, chegamos a DuoLun Rd. A Duolun Rd é uma pequena rua de pedestres mas muito simpática, famosa por atrair escritores modernistas, com arquitetura variada, pequenas lojas de antiguidades e muitos casais tirando fotos de casamento.  Uma tarde de Sábado bem gostosa.